domingo, 20 de junho de 2010

Em Jogo “Fácil”, Paraguai Supera Eslováquia

Por Guilherme Dreyer Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com

Até Salvador Hícar e JJ Bernabé (narradores do canal SNT) gritaram pouco. Em partida mais fácil que o esperado, a seleção paraguaia de futebol venceu a Eslováquia, na manhã deste domingo (20), pelo placar de 2 x 0, gols marcados por Enrique “Rambert” Vera e Cristian Riveros.

A partida, disputada no Free State Stadium, de Bloemfontein, teve pouca presença de público. Quem tinha ingresso e não foi, perdeu um jogo que, desde o princípio, foi movimentado e bem trabalhado por parte do Paraguai, que com o “tridente ofensivo” Roque Santa Cruz, Nelson Haedo e Lucas Barrios, não quis dar sopa à Jabulani.

O primeiro gol, porém, veio apenas aos 28 minutos: Lucas Barrios habilitou Enrique “Rambert” Vera no meio da zaga eslovaca e o camisa 13, de primeira, completou para o fundo da rede do goleiro Mucha.

Ainda no primeiro tempo, Roque Santa Cruz teve a chance de ampliar, mas o placar, ao intervalo, era Paraguai 1 x 0 Eslováquia.

Na segunda etapa, o Paraguai recuou a marcação e permitiu o avanço do time eslovaco, que demonstrou pouca clareza ofensiva. A situação começou a mudar com a entrada de Aureliano Torres, reorganizando o meio e dando novo fôlego ao ataque.

O gol da vitória definitiva, para espantar o fantasma da Jabulani, veio aos 85 minutos, com Cristian Riveros aproveitando rebote e batendo da entrada da área. Já nos descontos, Justo Villar, goleiro paraguaio, desarrumou o cabelo para sua primeira e última grande defesa na partida.

Com a vitória por 2 x 0, o Paraguai vai a quatro pontos, lidera provisoriamente o Grupo F e garante a classificação às oitavas de final com um simples empate contra a Nova Zelândia, virtual saco de pancadas do grupo, em partida marcada para a próxima quinta-feira (24).

A albirroja briga, ainda, pela possibilidade de ser a primeira colocada do grupo, em disputa que, caso a Itália confirme o favoritismo e vença os neo-zelandeses no jogo de logo mais, será decidida no saldo de gols. Abaixo, a ficha técnica e os lances da partida:

Clique na seta para reproduzir o vídeo.

PARAGUAI 2 x 0 ESLOVÁQUIA

Copa do Mundo da África do Sul, Grupo F, 2ª Rodada. Local: Free State Stadium, em Bloemfontein. Arbitragem: Eddy Maillet (Ilhas Seychelles), auxiliado por Evarist Menkopuande (Camarões) e Bechir Hassani (Tunísia). Cartões amarelos: Durica, Sestak, Weiss (Eslováquia) e Vera (Paraguai). Gols: Vera, aos 28; e Riveros, aos 86. Melhor em campo (eleição da FIFA): Enrique “Rambert” Vera.

Paraguai: Justo Villar, Carlos Bonet, Paulo da Silva, Antolín Alcaraz e Claudio Morel Rodríguez; Víctor Cáceres, Enrique “Rambert” Vera (Édgar Barreto) e Cristian Riveros; Nelson Haedo (Aureliano Torres), Roque Santa Cruz e Lucas Barrios (Óscar “Tacuara” Cardozo). Técnico: Gerardo “Tata” Martino.

Eslováquia: Mucha, Pekarik, Skrtel, Salata (Stoch) e Durica; Streba, Hamsik, Kozak e Weiss; Sestak (Holosko) e Vitek. Técnico: Vladimir Weiss.

Leia Também...

Paraguai Pega Eslováquia de Olho nas Oitavas

Animada com a perspectiva de dar mais um passo rumo às oitavas de final, a seleção paraguaia de futebol entra em campo na manhã deste domingo (20), a partir das 08h30 (hora brasileira), em Bloemfontein, para sua segunda partida na Copa do Mundo da África do Sul. Mais...

Copa: Jogadores Dedicariam Vitória a Cabañas

O empate por 1 x 1 contra a Itália, após sair na frente na partida de estreia na Copa do Mundo por 1 x 0, foi lamentado pelos jogadores da seleção paraguaia por um segundo motivo: caso vencessem a atual campeã do mundo, a vitória seria dedicada a Salvador Cabañas. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.