segunda-feira, 28 de junho de 2010

Marinha Encontra Cadáver na Barranca do Rio

Por Guilherme Dreyer Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com

Patrulheiros da Marinha do Paraguai encontraram na manhã de ontem (27), em um dos suportes do porto situado no bairro Remansito, na margem paraguaia do rio Paraná, o cadáver de um homem aparentando entre 45 e 50 anos, morto com dois impactos de bala.

De acordo com o Diário Última Hora, o corpo, ainda não identificado, estava amarrado e amordaçado com fita adesiva, em característica que aponta para a “assinatura” das máfias que atuam nas águas do rio Paraná, no comando de portos clandestinos e escoando contrabando, drogas e munições.

Agentes do Departamento de Identificações da Polícia Nacional do Paraguai coletaram impressões digitais para facilitar o reconhecimento do cadáver, trasladado a uma funerária de Presidente Franco, por ordem do promotor Alfredo Acosta Heyn, responsável pela investigação.

Além do achado do corpo na barranca do rio Paraná, outro caso de destaque no noticiário policial do lado paraguaio da fronteira é o assassinato da universitária Clara Rivarola Espínola, morta na noite de sexta-feira (25), nas proximidades da universidade onde estudava.

Investigações conduzidas pelo promotor Federico Torres apontam que, aparentemente, o alvo não seria a universitária, mas, sim, seu marido, em estado grave após ser baleado com sete tiros pelos mesmos pistoleiros. A filha do casal, de apenas um ano, escapou ilesa do atentado.

Leia Também...

Marinha Encontra Corpo de Vendedor Assassinado

Soldados da Marinha do Paraguai e voluntários do Corpo de Bombeiros localizaram nesta sexta-feira (11), nas águas do rio Monday, o corpo do vendedor Johny Osmar Leith Prieto, 34, assassinado no último dia 03, em crime executado por uma quadrilha de brasiguaios. Mais...

Patrulha Rural Localiza Corpo à Beira-Lago

Soldados da Patrulha Rural da Polícia Militar do Paraná localizaram no distrito de Oliveira Castro, interior de Guaíra, um corpo envolto em plástico preto e fita adesiva transparente, abandonado às margens do Lago de Itaipu, próximo ao local conhecido como Porto São João. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.