terça-feira, 29 de junho de 2010

Para Jornal, Futebol Nasceu no Paraguai

Por Guilherme Dreyer Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com

O futebol é invenção dos índios guaranis e nasceu nos povoados fundados por padres da Companhia de Jesus no atual território do Paraguai, nos séculos XVII e XVIII. É o que afirma um polêmico artigo publicado na edição em espanhol do jornal L'Osservatore Romano, editado no Vaticano.

Assinado por Gianpaolo Romanato, o artigo, oportunamente publicado em época de Copa do Mundo, traz à tona um antigo escrito de autoria do padre catalão José Manuel Peramás, que descreveu em seu livro "De vita et moribus tredecim virorum paraguaycorum”, datado de 1793, um curioso esporte jogado com os pés.

Os guaranis costumavam também jogar uma bola que, mesmo sendo de goma cheia, era tão ligeira e rápida que, quando a golpeavam, continuava quicando por algum tempo, sem parar, impulsionada por seu próprio peso. Não lançavam a bola com a mão, como nós, mas com a parte superior do pé descalço, passando-a e recebendo-a com grande agilidade e precisão”, relatou o jesuíta do século XVIII.

A descrição, segundo o articulista do jornal extra-oficial da Santa Sé, confirmaria que “os guaranis de três séculos atrás seguramente já jogavam bola com maestria. No fundo, [os paraguaios] são os descendentes dos verdadeiros inventores do futebol”.

Vale recordar, no entanto, que jogos em que uma bola é impulsionada com os pés são comuns a várias culturas antigas ao redor do Globo, havendo relatos de um futebol primitivo jogado na China ainda antes da Era Cristã. O futebol moderno, tal como o conhecemos, foi criado e regulamentado na Inglaterra.

Leia Também...

Especial: Histórias do Paraguai

Morte de Solano López - Tomada de Asunción - Aleixo Garcia - Roque Santa Cruz - Presidente Hayes - Crianças Mártires - Massacre de Fram - Soldado Desconhecido - Batalha de Curupayty - Tornado de 1926. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.