sexta-feira, 2 de julho de 2010

Sumiço de Carros e Mercadorias em Pedro Juan

Por Guilherme Dreyer Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com

Mistério na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, fronteira seca com Ponta Porã (MS), com um chamativo incidente ocorrido na madrugada de ontem (01), no depósito da Administração Nacional de Navegação e Portos (ANNP) contíguo à aduana fronteiriça.

De acordo com os jornais La Nación e ABC Color, desconhecidos doparam os seguranças do local com um refrigerante “batizado” e, enquanto os guardas dormiam, arrombaram uma das portas para subtrair três veículos e fardos de roupas usadas procedentes do Japão.

Em declarações aos meios de comunicação, Ramón Cantaluppi, administrador, disse que esta é a primeira vez que algo semelhante acontece na cidade. Os veículos, das marcas Toyota, Nissan e Honda, e as roupas importadas, continham irregularidades em sua documentação.

Por este motivo, uma das hipóteses investigadas é a de que os próprios donos, que seriam cidadãos de nacionalidade japonesa, representados pelo despachante Lucio Mercado, tenham ordenado o suposto roubo. Mercado, por sua vez, disse não ter qualquer relação com o ocorrido.

Para apurar o caso, a Direção Nacional das Aduanas (DNA) ordenou a abertura de um sumário administrativo contra os encarregados da administração e da segurança no local fronteiriço. Em nota, Javier Contreras, titular da DNA, solicitou à Unidade de Assuntos Internos que encarregue-se do caso.

Leia Também...

Aduana Abre Processo Sobre “Sumiço” de Contâineres

A Direção Nacional das Aduanas (DNA) anunciou nesta sexta-feira (05) a abertura de um processo administrativo para apurar o destino de três contâineres que, segundo registros de entrada, mas não de saída, “desapareceram” da cabeceira paraguaia da ponte. Mais...

Sumiço de Contâineres é “Comum” na Aduana de CDE

Um verdadeiro carnaval. Esta foi a expressão utilizada pelo Diário Última Hora para descrever os constantes “sumiços” de contâineres na aduana da cabeceira paraguaia da Ponte da Amizade, cruzando a fronteira sem que um centavo sequer seja tributado ao fisco do país. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.