domingo, 14 de novembro de 2010

As 10 + da Imprensa Paraguaia – de 07/11 a 13/11

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

1. ¡Paraguaios inventam espetacular sanduíche de pastel!

Que gosto tem isso? Ruim, certamente, não deve ser! Em 09/11, o Diário Popular estampou, em sua capa, a mais nova criação gastronômica do Paraguai: o sanduíche de empanada (pastel). Afinal, se os argentinos inventaram o sanduíche de milanesa... por que não reivindicar a invenção do pãozinho com pastel?

Pelo menos na fotografia, Lilian Ruiz, modelo que volta e meia aparece semi-nua nas páginas “hot” do jornal, parece ter aprovado a iguaria, sugerindo o dia 20/11 como o “Dia Nacional do Sanduíche de Pastel”. “Assim posso chegar a dezembro com a barriguinha bem cheia”, argumentou. Vai um sanduíchinho aí?

2. ¡Ladrões mortos de fome assaltam até a geladeira!

Em Ciudad del Este, dois ou três ladrões, de estômago vazio, fizeram a limpa em quatro casas vizinhas no Km 8 Monday e levaram o que puderam carregar, inclusive, cachos de banana e uma peça de queijo. Chamou a atenção, do Diário Vanguardia (12/11), o fato de que as casas contavam com cerca elétrica e sistema de segurança, algo que, para os “esfomeados”, parece não ter sido problema.

3. ¡Motorista transporta ração para cavalo em ambulância!

Um dos principais problemas da saúde pública no Paraguai é a falta de ambulâncias para o traslado de pacientes aos hospitais. Em Colonia Independencia, porém, a ambulância, adquirida com dinheiro público, está sendo usada, segundo o Diário Última Hora (12/11), para carregar ração para os cavalos do motorista. Alipio Peralta, prefeito, não atendeu à equipe do jornal para defender o funcionário.

4. ¡Parentes denunciam fraude em cemitério de San Lorenzo!

O Cemitério Municipal está sendo palco de uma grosseira fraude em San Lorenzo. Foi o que denunciaram, ao jornal ABC Color (07/11), parentes e donos de túmulos que constataram, na semana de Finados, que seus “terreninhos” foram vendidos, mais de uma vez, a terceiras ou quartas pessoas. Olga González, vereadora, e Albino Ferrer, prefeito, são apontados como os responsáveis pela “negociata”.

5. ¡Fantasma põe pescadores para correr em Paraguarí!

História de pescador? Eles juram que não! Na semana que passou, amigos que pescavam às margens de um riacho em Paraguarí procuraram a redação do Diário Popular (13/11) para mostrar uma fotografia na qual, ao fundo, aparece uma fantasmagórica criatura olhando em direção a eles. O fantasma, segundo creem, seria da jovem Luz María Ruiz Díaz, assassinada pelo namorado e enterrada nas proximidades.

6. ¡Mortos voltam do além para eleger autoridades dos vivos!

E por falar em fantasmas, Sebastián Acha, deputado do Partido Pátria Querida (PPQ), cujo candidato, Miguel Carrizosa, foi derrotado por pouco na disputa pela prefeitura de Asunción, denunciou à Justiça Eleitoral que eleitores que já bateram as botas, há tempos, “ressuscitaram” para votar nas eleições de 07/11. As suspeitas de fraude e manipulação foram destaque nas páginas do jornal ABC Color em 10/11.

7. ¡Espanta-votos anunciam: “Não seremos parte do governo”!

Miguel Carrizosa perdeu para Arnaldo Samaniego a chance de ser prefeito de Asunción, porém, a culpa da derrota não pode ser atribuída, de forma alguma, aos movimentos de esquerda que uniram-se à coligação. Em declarações ao jornal La Nación (07/11), o dirigente Camilo Soares, tido por alguns como “espanta-votos”, tranquilizou o eleitorado: “Não... não ocuparemos cargo na próxima gestão”. Amém.

8. ¡Em Ybycuí, feriado municipal pela reeleição da prefeita!

Em Ybycuí, o dia seguinte às eleições de 07/11 foi de festa pela reeleição da prefeita colorada María del Carmen Benítez. De acordo com o jornal ABC Color (09/11), Eva Servián de Alum, prefeita interina e aliada de Benítez, decretou feriado municipal na cidade, com funcionários públicos e operadores políticos recebendo um “merecido” dia de folga após esforçarem-se, duramente, em prol do resultado das urnas.

9. ¡Funcionária fecha repartição pública por medo de assalto!

Em Ciudad del Este, o dia pós-eleitoral foi de portas fechadas no Escritório de Defesa do Consumidor, órgão similar ao PROCON. Em declarações ao Diário Vanguardia (09/11), Maria Basilia Ayala, coordenadora, deu uma curiosa explicação, afirmando que estava no escritório e trabalhando, porém, com as portas fechadas, por estar sozinha e temer que meninos de rua assaltassem o local.

10. ¡Ladrão assalta cassino horas antes de ser condenado!

Já dizia a chula sabedoria popular: “O que é um peido para quem está cagado?”. Em Ciudad del Este, horas antes de ser condenado a cinco anos de reclusão pelo roubo de um veículo, Ovidio Javier Alvarez Rivera fez uma “visita” ao Casino Premier e roubou o equivalente a R$ 2,2 mil em dinheiro. Motivo do roubo? De acordo com o Diário Última Hora (11/11), pagar os advogados e tentar um acordo para livrá-lo da prisão.

Mais de 2,5 mil pérolas da imprensa paraguaia? Clique aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.