terça-feira, 9 de novembro de 2010

Libanês denuncia “sumiço” de mercadorias

09.11.10 - Um comerciante libanês, com empresa em Ciudad del Este, denunciou nesta segunda-feira (08) o “desaparecimento” de cerca de US$ 500 mil em mercadorias como notebooks, memórias, pendrives e aparelhos de celular, subtraídos de um depósito alugado no bairro Boquerón.

Imagem: ABC Color

Em declarações aos jornais ABC Color e Última Hora, Hussein Hijazi, proprietário das mercadorias, informou que os produtos haviam sido deixados no local no último sábado (06). Até a tarde de domingo (07), ocasião em que o empresário esteve no depósito pela última vez, permaneciam intocados.

Ao verificá-lo na manhã desta segunda-feira (08), porém, Hijazi constatou que o cadeado fora arrebentado e, a energia, cortada para que o sistema elétrico de segurança não funcionasse. Apenas as caixas maiores, que contêm impressoras, foram poupadas pelos "visitantes noturnos".

Pela quantidade de mercadorias levadas, a suposição de Hijazi e da polícia é que os invasores tenham fugido em um caminhão de médio porte. Chama a atenção, no entanto, o fato de que nenhum dos vizinhos ou dos vigias que custodiam as quadras próximas tenham percebido a movimentação no depósito.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Lojista denuncia inspetores por corrupção em CDE

08.11.10 - Revoltada com um estranho procedimento de fiscalização em sua loja, com objetivos extorsivos, a comerciante Zulma Arístides de Chávez, de Ciudad del Este, procurou as autoridades para relatar a conduta de dois inspetores do Instituto de Previdência. Mais...

Brasileiros denunciam roubo de mercadorias

30.10.10 - Em chamativo caso ocorrido nas imediações do Km 3,5 da Ruta Internacional VII, em Ciudad del Este, falsos policiais roubaram cerca de R$ 30 mil em mercadorias pertencentes a compristas brasileiros. Os produtos eram levados a bordo de uma van. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.