segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Operação Cadeado chega ao fim na fronteira

15.11.10 - Terminou neste domingo (14), nas fronteiras seca e pantaneira entre Paraguai e Mato Grosso do Sul, a “Operação Cadeado”, iniciada no último dia 05 e responsável, neste período, por significativas apreensões de drogas e mercadorias contrabandeadas.

Imagem: A Tribuna

Coordenada pelo Exército, a operação mobilizou, em seus dez dias de duração, cerca de dois mil homens, 135 viaturas, oito embarcações e dois helicópteros, militarizando a fronteira seca e unificando esforços com as corporações policiais, fiscais e ambientais que atuam na região.

Neste período, cerca de 15 mil veículos foram vistoriados em rodovias como a BR-463 e a MS-386. A apreensão mais chamativa ocorreu nos arredores do município de Amambai, com a localização de 977 quilos de maconha em um rodado com placas de Minas Gerais.

Outras apreensões incluíram o confisco de 645 litros de combustíveis, três equipamentos de rádio, três animais silvestres, 30 volumes de enfeites e adereços natalinos e mercadorias diversas adquiridas nas cidades de Pedro Juan Caballero e Salto del Guairá e trazidas irregularmente ao Brasil.

As repartições militares envolvidas na operação, de acordo com o jornal Correio do Estado, foram a 4ª Brigada de Dourados (MS), a 13ª Brigada de Infantaria Motorizada de Cuiabá (MT) e a 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira de Corumbá (MS).

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Exército Brasileiro inicia “Operação Cadeado”

08.11.10 - Em sua primeira grande mobilização desde que, no mês de agosto, o presidente Lula sancionou a lei que amplia os poderes das Forças Armadas, militares do Exército Brasileiro realizam, na fronteira seca, uma nova edição da “Operação Cadeado”. Mais...

Receita registra aumento de 26% nas apreensões

13.11.10 - A delegacia da Receita Federal em Foz do Iguaçu registrou, no mês de outubro, aumento de 26% nas apreensões de contrabando, descaminho e veículos utilizados na logística dos “crimes de fronteira”. No acumulado do ano, o incremento chega a 36%. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.