quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Operação de fim de ano não inclui militares

24.11.10 - O jornal Gazeta do Iguaçu publicou, nesta terça-feira (23), informação dando conta de que a tradicional operação de fim de ano na região fronteiriça, coordenada pela Receita Federal do Brasil (RFB) para intensificar o combate ao contrabando e ao descaminho, não terá participação militar em 2010.

Imagem: Diário Última Hora (Arquivo)

A ausência das Forças Armadas não significa, no entanto, que haverá menos fiscalização nas aduanas e rodovias, uma vez que instituições como a RFB, Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e demais corporações policiais, trabalharão de forma conjunta e, em alguns casos, com efetivo reforçado.

Na última segunda-feira (22), o Sopa Brasiguaia trouxe declarações do novo delegado-chefe da RFB em Foz do Iguaçu, Rafael Rodrigues Dolzan, afirmando que o trabalho fiscal será incrementada nas semanas que antecedem as festas de fim de ano.

Temos várias estratégias planejadas para o fim do ano, quando o movimento aumenta na Ponte da Amizade. Entre elas, fazermos períodos de barreira fixa, que praticamente cessa o fluxo de contrabando, e operações-surpresa”, afirmou Dolzan, em entrevista ao portal Paraná Online (parceiro do Sopa).

Segundo Dolzan, o órgão atuará, neste período, com helicópteros, frota completa de viaturas, parcerias com outras corporações e com o apoio de servidores remanejados de outras delegacias para auxiliar no monitoramento realizado nas aduanas e no combate aos ilícitos.

Só assim para consolidar a posição do Estado na fronteira. As operações conjuntas são capazes de fazer frente a esses crimes”, defendeu o delegado, apontando que, em Foz do Iguaçu e área de jurisdição, 70% do trabalho da RFB referem-se, exclusivamente, a ações de fiscalização aduaneira.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Delegado da Receita anuncia aumento na fiscalização

22.11.10 - No cargo desde o início do mês, o novo delegado-chefe da Receita Federal do Brasil (RFB) em Foz do Iguaçu, Rafael Rodrigues Dolzan, anunciou que a fiscalização fronteiriça será incrementada, tendo em vista o movimento extra de fim de ano. Mais...

Receita registra aumento de 26% nas apreensões

13.11.10 - A delegacia da Receita Federal em Foz do Iguaçu registrou, no mês de outubro, aumento de 26% nas apreensões de contrabando, descaminho e veículos utilizados na logística dos “crimes de fronteira”. No acumulado do ano, o incremento chega a 36%. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.