quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Operação destruiu mais de 100 hectares de maconha

24.11.10 - Iniciada no último dia 18, na região de fronteira seca entre Paraguai e Mato Grosso do Sul, a “Operação Nova Aliança VI-10” resultou, em seus primeiros cinco dias, na destruição de mais de 100 hectares de “narcolavouras” cultivadas em áreas de difícil acesso.

Imagem: Secretaria Nacional Antidrogas (SENAD)

De acordo com balanço difundido pela Secretaria Nacional Antidrogas (SENAD), 108 hectares de pés de maconha, que renderiam mais de 300 toneladas da droga, foram derrubados pelos agentes paraguaios que contam com a colaboração da Polícia Federal (PF) brasileira e das Forças Armadas do Paraguai.

Além da maconha em fase de produção, 8,9 toneladas de erva já colhida, 800 quilos de maconha prensada, 28 acampamentos, 14 prensas e 1,9 tonelada de sementes foram inutilizados ou retirados de circulação pelos interventores, que devem continuar na região até o final desta semana.

Os trabalhos estão concentrados em zonas rurais do departamento (estado) paraguaio de Amambay, cuja extensa fronteira seca com o Brasil facilita o escoamento da “safra”. Algumas das plantações são localizadas, apenas, com o auxílio de aeronaves e detalhadas imagens de satélite.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Traficantes abandonam maconha na rodoviária de Cascavel

23.11.10 - Em ocorrência registrada na rodoviária de Cascavel na noite de domingo (21), policiais militares apreenderam 153 quilos de maconha, abandonadas no local após frustrada tentativa de embarque em um ônibus que seguiria para o Rio Grande do Sul. Mais...

Operação conjunta causa prejuízos aos traficantes

19.11.10 - A Secretaria Nacional Antidrogas (SENAD), do Paraguai, e a Polícia Federal do Brasil, deram início nesta quinta-feira (18) a uma nova edição da “Operação Nova Aliança”, com o objetivo de destruir a logística do tráfico na região de fronteira seca. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.