sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Em Foz, Mercosul assina acordo com Cuba

17.12.10 - O Mercosul assinou com Cuba nesta quinta-feira (16), no primeiro dia de atividades oficiais da Cúpula de Foz do Iguaçu, um acordo para que o país caribenho participe das reuniões do bloco e possa intercambiar experiências e pontos de vista políticos.

Em declarações reproduzidas, no Paraguai, pelo Diário Última Hora, Celso Amorim, chanceler brasileiro, detalhou que “realizaremos consultas políticas e, apesar de que não será um membro associado, por não integrar-se à união aduaneira, Cuba terá maior participação em nossas reuniões”.

Carlos Rafael Zamora, diplomata cubano, avaliou que o acordo tem “grande transcendência” e trará melhoria mútua nas relações entre Cuba e Mercosul, abrindo novos horizonte para cooperação e incremento do fluxo comercial entre a ilha e o principal bloco econômico da América do Sul.

O acordo entre a ilha de Castro e o Mercosul não é exatamente o que se pode chamar de inédito. Em 2006, um “Acordo Parcial de Complementação Econômica” já havia sido assinado entre as partes.

Para Celso Amorim, o acordo atual tem mais conteúdo político do que econômico, complementando, de certa maneira, documentos e convênios anteriores na área econômica e o acordo de preferências assinado, na quarta-feira (15), entre os membros do Mercosul, Cuba e outros seis países em desenvolvimento.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Cúpula de Foz será despedida do presidente Lula

14.12.10 - A Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul e Países Associados, que começa na quinta (16) e vai até sexta-feira (17), em Foz do Iguaçu, marcará a despedida internacional do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a apresentação oficial de Dilma Rousseff. Mais...

Países do G-77 assinam acordo em Foz do Iguaçu

16.12.10 - Os quatro membros do Mercosul (Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai) e outros sete países em desenvolvimento assinaram nesta quarta-feira (15), em Foz, um acordo para a redução de alíquotas de importação e incentivo ao comércio multilateral. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.