sábado, 4 de dezembro de 2010

Exército do Paraguai reativará fábrica de munições

04.12.10 - O Exército do Paraguai apresentou às autoridades civis e à imprensa, na última quinta-feira (02), seus planos de reativação da fábrica de munições na cidade de Piribebuy. Máquinas antes consideradas inservíveis estão sendo restauradas pelos militares.

Imagem: ABC Color

De acordo com o jornal ABC Color, a intenção é reiniciar a produção local de munições para abastecimento das Forças Armadas já no ano de 2011, havendo indefinição, no entanto, sobre se a fábrica será exclusivamente militar ou terá participação de capital privado.

Durante os testes com as máquinas, uma delas, datada de 1917, a unidade mostrou-se em condições de produzir 10 mil cartuchos do calibre 7,62, que serão entregues ao comando das Forças Armadas já na próxima semana.

Um dos temores expressados pela imprensa paraguaia, porém, é quanto à segurança dos depósitos militares, alvo de constantes roubos de munições, armamentos e explosivos que vão parar, na maioria dos casos, nas mãos de quadrilhas que operam no Brasil ou na Bolívia.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Band mostra venda de armas no comércio de CDE

03.12.10 - Em reportagem exibida na noite desta quinta-feira (02), o Jornal da Band, da TV Bandeirantes, abordou a questão do tráfico de armas na região fronteiriça e as facilidades para a compra e travessia de munições e armamentos de diferentes tipos e calibres. Mais...

PRF apreende eletrônicos e espingardas de pressão

03.12.10 - Em abordagem de rotina realizada no final da tarde de quarta-feira (01), no trecho sul-mato-grossense da BR-163, patrulheiros da Polícia Rodoviária Federal fizeram uma inesperada apreensão a bordo de um veículo que seguiria para Rondonópolis. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.