sábado, 18 de dezembro de 2010

Paraguai enumera benefícios obtidos na Cúpula

18.12.10 - Apesar das tradicionais críticas da imprensa paraguaia à falta de resultado das cúpulas do Mercosul, o Paraguai obteve, no evento realizado nesta semana, em Foz do Iguaçu, importantes benefícios e prorrogações de medidas adotadas para incentivar a industrialização do país.

Imagem: Presidência da República

De acordo com a agência pública IP Paraguay, o país obteve, na reunião do Conselho do Mercado Comum (CMC), a prorrogação, até o final de 2013, da alíquota zero para a importação de insumos agropecuários (comprados fora do Mercosul) e dos itens que fazem parte do regime de importação de matérias-primas.

- Fotos da Cúpula do Mercosul em Foz do Iguaçu

Da mesma maneira, ficou prorrogada, até 2019, a vigência da Lista Nacional de Exceções à Alíquota Externa Comum, que no caso do Paraguai, é composta por 649 itens, além do regime diferenciado para a importação de bens de capital e equipamentos de informática e telecomunicações.

Tais regimes são vistos como fundamentais para garantir a competitividade da economia do Paraguai, uma vez que, por não contar com litoral marítimo, as empresas do país precisam arcar com custos extras para importação e exportação, diferença compensada com a aplicação de uma menor carga de impostos.

O Paraguai obteve, também, o compromisso dos sócios para o estudo de uma “metodologia para avaliar os benefícios econômicos e comerciais das negociações com terceiros países, com tratamento especial e diferenciado ao Paraguai”, e a inclusão de novos mecanismos para a superação das assimetrias do bloco.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Paraguai fará reivindicações durante a Cúpula

16.12.10 - O Paraguai assumirá em Foz do Iguaçu, nesta sexta-feira (17), a presidência semestral do Mercosul. Antes disso, porém, o país apresentará reivindicações quanto ao efetivo cumprimento do Tratado de Asunción e a aplicação de medidas integracionistas. Mais...

Países do G-77 assinam acordo em Foz do Iguaçu

16.12.10 - Os quatro membros do Mercosul (Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai) e outros sete países em desenvolvimento assinaram nesta quarta-feira (15), em Foz, um acordo para a redução de alíquotas de importação e incentivo ao comércio multilateral. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.