sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Roda de Tererê - 03/12/10

Fraude na Previdência

Policiais federais de Foz do Iguaçu entraram em ação, nesta quinta-feira (02), para a prisão de dois indivíduos acusados de fraude contra a Previdência Social. Uma das prisões ocorreu na cidade de Medianeira, tendo como alvo um funcionário público cujo nome não foi divulgado. O segundo detido, por sua vez, era funcionário do banco Bradesco na Terra das Cataratas. O esquema de fraude, segundo a PF, consistia na concessão e saque de benefícios previdenciários fraudulentos.

Novo embaixador

Prestou juramento como embaixador, nesta quinta-feira (02), o empresário naturalizado paraguaio, residente em Ciudad del Este, Hassan Khalil Dia, escolhido pelo governo de Fernando Lugo para comandar a Embaixada do Paraguai na cidade de Beirute, capital do Líbano. Além de Khalil Dia, quem também jurou como embaixador foi o emigrante Gabriel Enciso, que assumirá a embaixada de Buenos Aires. Por falta de acordo político, porém, as embaixadas no Brasil e no Uruguai continuam com cargos vacantes.

Brasileiro detido

A Polícia Nacional do Paraguai deteve, nesta quinta-feira (02), três pessoas suspeitas de pertencerem ao grupo insurgente “Exército do Povo Paraguaio – EPP”, durante diligências na região centro-norte do país. Entre os detidos portando armas em uma área de mata nas imediações de Hugua Ñandu, um cidadão que teria nacionalidade brasileira, mas cuja identidade, entretanto, não pôde ser confirmada. Os três suspeitos seriam, na verdade, caçadores de animais silvestres.

Terras de Teixeira

A Polícia Nacional do Paraguai deve tentar, nesta sexta-feira (03), desocupar as terras administradas pelo brasileiro Ulisses Rodrigues Teixeira na região centro-norte do país, ocupadas desde a semana passada por cerca de 150 camponeses armados e com intenção de resistir até o último instante. A principal reivindicação dos invasores é a compra da estância de 22 mil hectares para a criação de um assentamento-modelo, em “negociações” que arrastam-se desde o início do governo de Fernando Lugo.

Investimento multinacional

A multinacional ADM inaugurou nesta quinta-feira (02), em Villeta, sua unidade industrial para a produção de fertilizantes voltados para o mercado interno paraguaio e, também, para os vizinhos de Mercosul. Durante o ato, que contou com a participação do presidente Fernando Lugo, a empresa anunciou que pretende inaugurar, para 2012, uma segunda fábrica na referida cidade, com o objetivo de industrializar, localmente, parte da riqueza gerada pelas cada vez mais produtivas lavouras de soja do país.

Mudanças no gabinete

Ano novo, vida nova”. Esta foi a frase utilizada, nesta quinta-feira (02), pelo presidente Fernando Lugo para confirmar que já planeja mudanças em seu círculo de ministros e colaboradores para o ano de 2011. Tais mudanças, além de substituição de indivíduos que não cumpriram com suas metas de trabalho, responderiam, também, à necessidade de agradar “gregos” e “troianos” que dificultam a tarefa governamental com seus pedidos de mais espaço no primeiro escalão. Quem viver, portanto, verá.

Venezuela no Mercosul

Outro tema político que está tirando o sono do mandatário paraguaio é a nova onda de rejeição ao ingresso da Venezuela ao Mercosul, cuja confirmação depende, apenas, da aprovação do Parlamento paraguaio. Em declarações formuladas nesta quinta-feira (02), Óscar González Daher, presidente do Congresso, deu a entender que o tema não será incluído na agenda do final do ano, a menos que um pedido expresso seja formulado por parte do Executivo. O clima, nesta sexta-feira (03), é de indefinição.

Frase do Dia

Não somos espiões, não fazemos espionagem: coletamos informação. O fato de que façamos isso no âmbito particular não implica que sejamos espiões - Shannon Farrel, porta-voz da embaixada dos Estados Unidos em Buenos Aires, sobre o escândalo das informações confidenciais “vazadas” na internet através do site WikiLeaks.

(Por Guilherme Dreyer Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br)

Para contribuir com as discussões da coluna, utilize o espaço de comentários ou envie um e-mail para sopabrasiguaia@gmail.com. Comentários com teor desrespeitoso ou ofensivo serão apagados. Para ler as edições anteriores, clique aqui ou consulte o arquivo no menu lateral. Passa a cuia, che ra’a!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.