sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Roda de Tererê - 24/12/10

Asilo político

Destituído do cargo de governador do departamento (estado) de Tarija e vítima de suposta perseguição política encabeçada pelo governo de Evo Morales, o boliviano Mario Cossío, foragido da justiça de seu país, estaria no Paraguai e analisa pedir asilo político no país. Foi o que publicou, nesta sexta-feira (24), o jornal ABC Color, que conseguiu contato com a filha do governador, Silvana, que confirmou que a permanência de seu pai na Bolívia é tida como impraticável.

Presépio macabro

Sobreviventes e familiares de vítimas do incêndio do Supermercado Ycuá Bolaños V, ocorrido na capital paraguaia, Asunción, em agosto de 2004, montaram um presépio com 400 ovelhas em frente às ruínas do supermercado. Cada ovelha representa, como é de se supor, uma das vítimas fatais do incêndio. O objetivo do protesto é fazer com que, seis anos depois, o caso não caia no esquecimento e as famílias possam ser finalmente indenizadas pela tragédia.

Sex-Shop traiçoeiro

Um Sex-Shop da capital paraguaia, Asunción, era usado como ponto de “captação” e identificação de possíveis alvos de uma rede especializada em tráfico de mulheres para exploração sexual. De acordo com o canal SNT Cerro Corá, no local, mulheres eram agenciadas e encaminhadas a supostos empregos no Chile, onde tinham sua documentação retida, eram torturadas física e psicologicamente e obrigadas a trabalhar como prostitutas para saldar supostas vítimas com os cafetões.

Perigo nas ruas

Moradores de Ciudad del Este estão preocupados com a venda indiscriminada de foguetes e explosivos em bancas e postos ambulantes das principais avenidas da cidade. O problema, de acordo com o Diário Vanguardia, é que os produtos são armazenados sem quaisquer medidas de segurança e ficam expostos, em muitos casos, a altas temperaturas e situações de risco que podem levar à sua combustão. Quem deveria fiscalizar, no entanto, faz vista grossa à situação.

Êxodo natalino

Pelo menos 20 mil pessoas devem deixar a região de Ciudad del Este, nesta sexta-feira (24), para celebrar o Natal no interior do país, na capital Asunción ou em localidades brasileiras e argentinas. A maior parte deste fluxo concentra-se na rodoviária e nos pontos de parada das linhas intermunicipais, que contarão com carros extras para atender à demanda. Na Ponte da Amizade, ao trânsito de viajantes soma-se o de compristas que, na manhã de hoje (24), invadiram a cidade paraguaia para as últimas compras.

Procon fechado

Quem precisar fazer alguma reclamação da alçada do Procon durante a última semana do ano e as férias de janeiro, em Foz do Iguaçu, dará com a cara em portas fechadas. De acordo com a Agência Municipal de Notícias (AMN), o prédio que abriga o Procon passará por reforma em sua estrutura (colapsada devido ao excesso de chuvas) e a reabertura será apenas em 02/02/11, com os funcionários permanecendo, neste período, em férias coletivas. Para saber como proceder em caso de problemas, clique aqui.

Frase do Dia

Não entendo qual é a objeção do Partido Colorado à entrada da Venezuela no Mercosul, se foi no governo de Nicanor Duarte Frutos que fortaleceram-se as relações e foram assinados os atuais convênios e acordos energéticos - Miguel Ángel López Perito, chefe de gabinete da presidência paraguaia, sobre a incongruente postura do Partido Colorado em votar contra a adesão da Venezuela ao Mercosul.

(Por Guilherme Dreyer Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br)

Para contribuir com as discussões da coluna, utilize o espaço de comentários ou envie um e-mail para sopabrasiguaia@gmail.com. Comentários com teor desrespeitoso ou ofensivo serão apagados. Para ler as edições anteriores, clique aqui ou consulte o arquivo no menu lateral. Passa a cuia, che ra’a!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.