quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Governo Dilma confirma investimento nas fronteiras

12.01.11 - O governo federal brasileiro manterá, durante a atual gestão, os planos de ampliação do patrulhamento nas áreas fronteiriças do Brasil (terrestres e águas marítimas), através da implantação do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (SISFRON).

Imagem: Forte.jor.br

De acordo com informações divulgadas pelos principais meios de comunicação brasileiros no início desta semana, o SISFRON é um projeto de longo prazo e suas três etapas devem estar concluídas, apenas, no ano de 2019. Até lá, cerca de US$ 6 bilhões devem ser investidos.

Um dos objetivos mais ambiciosos é a instalação dos chamados Pelotões Especiais de Fronteira (PEF), cujo número de unidades chegará a 49 até o fim do projeto. As bases dos PEF's contarão, entre outras comodidades, com pistas de pouso e decolagens, para rápidas ações de transporte aéreo.

Os inimigos, porém, não são os países vizinhos, que, conforme o projeto, passarão a atuar de maneira cada vez mais integrada ao Brasil em matéria de segurança.

As maiores ameaças são, neste sentido, as quadrilhas que aproveitam-se da atual debilidade das fronteiras brasileiras para atividades como o tráfico de armas, munições e entorpecentes, desestabilizando a sociedade e criando uma espécie de “poder paralelo” em suas áreas de maior influência.

Na fronteira entre Brasil e Paraguai, o projeto prevê a criação de pelo menos duas bases dos PEF's, uma delas, em São Miguel do Iguaçu, cujo aeródromo abriga o Veículo Aéreo Não-Tripulado (VANT) adquirido pela Polícia Federal (PF). A intenção é que o VANT passe a sobrevoar a fronteira já a partir do mês de março.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Paraguai aumentará presença militar nas fronteiras

10.01.11 - A porosidade das fronteiras do Paraguai é um segredo de polichinelo no país vizinho. Para reduzir o déficit de presença das forças do Estado nas terras limítrofes, o presidente Fernando Lugo confirmou a incorporação de 382 novos militares. Mais...

Avião não-tripulado voltará a voar em 2011

30.12.10 - Anunciado com pompa e circunstância pelo governo federal em 2009, o Veículo Aéreo Não-Tripulado (VANT) de fabricação israelense, encomendado pela Polícia Federal (PF) e guardado a sete chaves em São Miguel, voltará a voar em março. Mais...

Um comentário:

  1. O GOVERNO FEDERAL DEVER FAZER MENOS PROPAGANDA E AGIR MAIS, SE DESLIGAR A TV ACABA O PROGRAMA DE GOVERNO....

    ResponderExcluir

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.