terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Ministério fará fiscalização trabalhista em CDE

19.01.11 - O Ministério da Justiça e Trabalho (MJT), do Paraguai, anunciou nesta terça-feira (18) o início oficial da edição 2011 da “Operação Trabalho Decente”, destinada a fiscalizar o cumprimento das leis trabalhistas nas empresas do país. A primeira escala da operação será Ciudad del Este.

Imagem de arquivo

De acordo com a agência pública IP Paraguay, o trabalho será coordenado por fiscais de Asunción e da agência regional do MJT na região de Ciudad del Este, tendo como alvo mais de sete mil estabelecimentos que funcionam na região central de Ciudad del Este ou municípios de sua área metropolitana.

As inspeções devem ter início na próxima semana, abarcando, posteriormente, outras áreas fronteiriças, como é o caso da cidade de Pedro Juan Caballero, fronteira seca com Mato Grosso do Sul.

Nas cidades paraguaias limítrofes com o Brasil, além do problema da informalidade, que afeta os trabalhadores do Paraguai como um todo, há, também, a contratação irregular de mão-de-obra estrangeira.

Em Ciudad del Este, pelo menos três mil brasileiros, residentes em Foz do Iguaçu e, muitas vezes, portadores de documentação paraguaia emitida com base em falsos dados de residência, atuam no setor comercial, em situação questionada por sindicalistas e entidades classistas do Paraguai.

Por Guilherme Wojciechowski - SopaBrasiguaia.com.br

Leia Também...

Prefeita de Ciudad del Este quer penalizar porcalhões

04.01.11 - Preocupada com a péssima imagem provocada pela poluição visual em postes, passarelas e outras construções públicas no perímetro da cidade, a prefeita de Ciudad del Este, Sandra McLeod, analisa mudar algumas das ordenanças sobre o tema. Mais...

Lojista da fronteira troca venda de computadores por vacas

03.01.11 - Sócio-proprietário da loja de informática Icompy e dirigente da Câmara de Comércio da Tecnologia da Informação (CCTI), o imigrante oriental Sin Yu Wei, mais conhecido como Alex Wei, deu um giro radical em suas atividades empresariais. Mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esta é uma área voltada ao leitor do Sopa Brasiguaia e tem como objetivo permitir sua colaboração de maneira ágil, franca e aberta, prezando pela integridade moral de terceiros. As opiniões expressas nos comentários não representam a opinião do Sopa Brasiguaia.